Página inicial > documentos > Ciranda.net > Fórum Social Mundial 2009 - Belém do Pará (Brasil), 27 Jan a 1º (...) > A proposta inicial rumo ao FSM 2009 em Belém

A proposta inicial rumo ao FSM 2009 em Belém

quinta-feira 25 de outubro de 2007, por Inmidia GT-FSM/WSF-WF, Rita Freire,

No processo 2008-2009 os projetos serão construídos a partir da mobilização da comunicação iniciada para o Dia de Ação e Mobilização Global em conexão com a proposta de acolhida desenvolvida para o FSM 2005 em Porto Alegre e que se reproduziu em Caracas-2006 e parcialmente em Nairóbi-2007

O CONCEITO

A comunicação compartilhada é a possibilidade de participar de um trabalho de cobertura livre e/ou jornalística de eventos de interesse social , através da troca de esforços e conteúdos entre meios e pessoas envolvidas com a comunicação não corporativa ou de mercado. Tem característica de resistência à lógica neoliberal de gestão controlada da comunicação ao contrapor a troca solidária às práticas competitivas de mercado e ao abordar temas de interesse jornalístico, social, cultural ou político sem o viés mercantilista utilizado pelos grandes meios.
De diferentes formas o conceito tem sido aplicado por iniciativas organizadas no universo do Forum Social Mundial, como Ciranda (internacional e reunindo meios diversificados), Fórum de Radios (radios alternativas e comunitárias), Fórum de TVs (meios audio visuais) e Laboratórios Livres (geralmente de difusão de cultura digital), além de iniciativas de alcance continental, como Minga e Flamme D’Afrique e outras coberturas colaborativas de radio
Esse conceito também está presente na apropriação de ferramentas disponíveis na internet, a exemplo de sites como Indymedia ou Estúdio Livre e foi incorporado pelo FSM através dos sites FSM Process e, agora, no FSM2008.net rumo ao Dia de Ação Global.
Além das iniciativas e espaços virtuais existe também um processo de construção de grupos e redes que se encarregam da gestão dessas iniciativas e dos quais participam comunicadores(as) ligadas ao FSM, movimentos e redes de comunicação, feministas, movimento negro e educomunicação.
A PROPOSTA 2009
Com a existência de experiências-base anteriores, é possível iniciar o processo de comunicação compartilhada rumo ao FSM no início do segundo semestre de 2008, com a formação de núcleos de divulgação da proposta dos Estados e grupos de gestão dos projetos via internet.
Para previsão de infraestrutura é possível antecipar a demanda por 8 tipos de espaços de mídia:

1) sala de imprensa (computadores conectados que serão utilizados tanto por jornalistas dos meios comerciais quanto alternativos)

2) sala ciranda e mídias compartilhadas (computadores com banda larga para edição de projetos compartilhadas a partir de materiais recebidos da sala de imprensa, reportagem de campo e outros projetos participantes)

3) laboratório livre ( computadores para oficinas, espaços para rodas de conversa)

4) estúdio de rádio (equipados para a construção de uma grade de programação conjunta entre redes de radio, em mais de um idioma)

5) estúdio Fórum de TVs (equipados para entrevistas programadas pelas mídias alternativas

6) ilhas de edição Fórum de TVs ( computadores com programas para transformar a produção audiovisual de campo, feita por profissionais e participantes do FSM, em um programa diário a ser distribuído pela internet)

7) ilhas de edição Fórum de Radio (computadores para edição de áudio de materiais recolhidos pelos projetos e redes de radio)

8) Salas de pauta em rodízio (para imprensa alternativa e os diferentes projetos)


Conexão Cultura

Proposta de espaços para exibição dos audio-visuais (com produções a serem iniciadas no FSM em 1 Minuto, para o Dia da Ação Global, documentários e filmes cedidos/selecionados para o FSM, e programa do Fórum de TVs)

Uma sugestão são telões em três pontos do FSM para exibição simultânea de alguns conteúdos e diversificada de outros

Conexões regionais propostas pelo CirandaLab

Equipamentos para um mínimo de 10 oficinas de áudio, texto e fotos em regiões distintas do país, a começar em agosto de 2009, capacitando núcleos de comunicação para trabalhar com os temas e preparativos do FSM 2009 (envolve também de viabilização de equipes)

Locais: 4 oficinas nas regiões Norte e Nordeste e 6 oficinas das demais regiões do país (ou ampliar conforme a demanda e disponibilidade de equipes)

Equipamento para a construção de núcleos pré-FSM:

2 Notebooks com programas Audacity, Cinelerra e Gimp para edição de conteúdos.

Microfone de ambiente (transmissão de oficinas)

5 pequenos gravadores digitais

5 pequenas câmeras fotográficas digitais

Data-show

Caixas de som

Espaço pré FSM

Seminários para gestão colaborativa dos recursos solicitados

Realização de um Seminário de Comunicação Compartilhada com auditório para plenária e quatro salas para Grupos de Trabalho com internet, projetor, banda larga, computador equipado com programas de edição de texto e áudio-visual em software livre.

Os grupos gestores devem construir o detalhamento da proposta junto aos movimentos e parcerias que venham apoiar a realização do Seminário

ESPAÇO NO FSM

Observar a infra-estrutura executada para o FSM 2005 e que é a base para a proposta FSM 2009 e adaptar a partir dos Núcleos Gestores dos projetos compartilhados, do GT de Comunicação, junto com o GT de Infra-Estrutura.

Estúdio de rádio 01 - (Fórum de Rádios)

01 entrada para linhas de telefone para receber e ligar à cobrar.

02 aparelhos de telefones com tomadas híbridas, compatível com lap top

02 ponto de acesso à internet

01 computador


Estúdio de rádio 02 - (Fórum de Rádios)

01 entrada para linhas de telefone para receber e ligar à cobrar.

02 aparelhos de telefones com tomadas híbridas, compatível com lap top

02 ponto de acesso à internet

01 computador

Cabines de rádio (07 = 2 de 9m² e 5 de 3.4m²)
(a demanda abaixo está multiplicada pelo número de cabines)
divisório para 07 cabines

07 linhas de telefone a cobrar e recebendo, com extensão

14 aparelhos de telefones com tomadas híbridas, compatível com lap top

07 pontos de acesso à internet


02 Estúdios de TV (Fórum de TVs)

(a demanda abaixo esta multiplicada pelo número de estúdios)

Os estúdios deverão possuir revestimento acústico reforçado;

Iluminação - luz fria - 04 iluminadores de 650 watz

Entrada para duas linhas de telefone a cobrar

02 linhas c/ aparelhos de telefone para receber e ligar à cobrar.

02 micros com acesso à internet

02 pontos de acesso à internet

Painel com identidade do fsm no fundo.

02 Estúdios de TV (para agendamento -)

(a demanda abaixo está multiplicada pelo número de estúdios)

Os estúdios deverão possuir revestimento acústico reforçado;

Iluminação - luz fria - 04 iluminadores de 650 watz

Entrada para duas linhas de telefone a cobrar
02 linhas c/ aparelhos de telefone à cobrar e recebendo, com tomadas híbridas

04 pontos de acesso à internet

Painel com identidade do fsm no fundo.

Central de Sinais -

01 linha liberada c/ aparelhos de telefone

01 micro com acesso à internet
(atualizar porque as demandas de internet e banda em 2009 são maiores)

Sala de Imprensa

100 micros com acesso à internet

40 pontos para laptop com acesso à internet

20 impressoras

escaninho com 100 espaços


Sala de Coordenação comunicação
(assessoria de imprensa e auxílio aos projetos)

10 micros com acesso à internet

02 impressoras

06 linhas liberadas com aparelhos telefones

01 fax

mesa de reuniões

Sala de Coletiva

10 Energia Elétrica / Bicos de Luz
Cadeiras
Mesa
Sonorização
Sistema de tradução

Sala de Reuniões - Conhecimento Compartilhado - 24m² (mezanino)
Mesa
cadeiras
2 linhas de telefone para receber e ligar à cobrar.

Sala Ciranda (Jornalismo Compartilhado) - 76.25m² (mezanino)

30 micros com acesso à internet

20 pontos para laptop com acesso à internet

02 linhas de telefone para receber e ligar à cobrar.