Página inicial > Ciranda Mundi > Assange: WikiLeaks vai dar documentos vazados a empresas de tecnologia (...)

Assange: WikiLeaks vai dar documentos vazados a empresas de tecnologia para lutarem contra as armas cibernéticas da CIA

sexta-feira 10 de março de 2017, por Nadia Prupis,

As empresas terão "algum acesso exclusivo ... para que as correções possam ser desenvolvidas e aplicadas para que as pessoas possam estar seguras"

Uma vez que as armas da CIA fossem desarmadas, WikiLeaks publicaria o código publicamente, disse Assange.

O WikiLeaks dará às empresas de tecnologia acesso exclusivo a documentos atribuídos à CIA para ajudá-las a reparar as falhas de segurança que permitiram ao governo espionar indivíduos através de seus dispositivos inteligentes, disse Julian Assange, o fundador da organização,na quinta-feira.

"Considerando que achamos ser melhor maneira de proceder e ouvir os pedidos de alguns dos fabricantes, decidimos trabalhar com eles para dar-lhes algum acesso exclusivo aos detalhes técnicos adicionais que temos para que as correções possam ser desenvolvidas e as alhas eliminadas, para que as pessoas podem estar seguras ", disse Assange, em uma transmissão ao vivo pelo Facebook, da embaixada equatoriana em Londres, onde ele vive em exílio desde 2012.

O WikiLeaks divulgou nesta terça-feira uma minade documentos que revelam que a CIA explorou falhas de segurança em telefones celulares, smart TVs e outros dispositivos que permitiram à agência de inteligência escutar os usuários em suas próprias casas. Mas os documentos não revelaram o que essas falhas realmente eram - senão mostrando guias de usuário, manuais de desenvolvedor e outras comunicações.

O grupo disse que se recusou a publicar essas informações para "[evitar] a distribuição de armas cibernéticas ativadas até que houvesse um "consenso" sobre como desmontá-las.

Uma vez que forem desarmadas, WikiLeaks publicaria o código publicamente, Assange disse.

O porta-voz da CIA, Dean Boyd, respondeu aos comentários de Assange afirmando que ele "não era exatamente um bastião de verdade e integridade".

WikiLeaks disparou de volta: "mas ele literalmente ganhou o prêmio por isso", referindo-se à honra de 2010 Assange recebido dos Associados Sam Adams para integridade em inteligência, uma organização fundada por oficiais aposentados da CIA que reconhece denunciantes de inteligência.

Durante a entrevista, Assange reiterou novamente a alegação do grupo de que os documentos mostram que a CIA perdeu o controle sobre sua vasta empresa de vigilância.

"A Agência Central de Inteligência perdeu o controle de todo o seu arsenal de armas cibernéicas", disse Assange. "Este é um ato histórico da incompetência devastadora de ter criado um tamanho arsenal e armazenado tudo em um só lugar, e inseguro."
Este texto está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Compartilhamento pela mesma Licença 3.0


Ver online : Common Dreams