Página inicial > BRASIL > Dia 15 tem Feira de Livros da Resistência

Dia 15 tem Feira de Livros da Resistência

quinta-feira 13 de outubro de 2016, por ,

Com presença de autores, evento divulga produção literária com foco na resistência a regimes autoritários e na defesa dos direitos humanos

O Memorial da Resistência de São Paulo e o Núcleo de Preservação da Memória Política organizam com apoio da Fundação Perseu Abramo a quarta edição da Feira de Livros da Resistência e de História Política. O evento acontece no Memorial da Resistência (Largo General Osório, 66, Luz, São Paulo), no dia 15 de outubro, das 10h às 18h.

Em parceria com diversas outras editoras, a Feira tem como objetivo ampliar a divulgação da produção literária de obras com foco na resistência a regimes autoritários tanto no Brasil quanto no exterior e na defesa dos direitos humanos, de forma a colaborar com os estudos e análises da história contemporânea de nosso país.

Entre as editoras já confirmadas estão a Fundação Perseu Abramo, Expressão Popular, Boitempo, Raízes da América, Intermeios, Geração, Alphaomega, Alameda, Autêntica, Publisher Brasil, Instituto Vladimir Herzog, Cortez, Unesp, Geração, Intermeios, Raízes da América, Record, Livros Frei Beto e Fundação Maurício Grabois. Também serão disponibilizados títulos de outras editoras, além das obras publicadas pelo Memorial da Resistência. Os visitantes poderão adquirir os livros com até 30% de desconto.

O projeto O Autor na Praça participará da 4ª Feira, com a presença de autores em tarde de autógrafos, bate papo com o público, exposição e venda de livros relativos à O cartunista Junior Lopes fará caricaturas e promete um presente surpresa para o Instituto Vladimir Herzog.

A Feira de Livros da Resistência é anual e faz parte da programação “Os Sábados Resistentes”, promovidos pelo Núcleo de Preservação da Memória Política e pelo Memorial da Resistência de São Paulo, são um espaço de discussão entre militantes das causas libertárias, de ontem e de hoje, pesquisadores, estudantes e todos os interessados no debate sobre as lutas contra a repressão, em especial à resistência ao regime civil-militar implantado com o golpe de Estado de 1964. Os Sábados Resistentes têm como objetivo maior o aprofundamento dos conceitos de Liberdade, Igualdade e Democracia, fundamentais ao Ser Humano. A Feira tem como objetivo ampliar a divulgação da produção literária de obras com foco na resistência a regimes autoritários tanto no Brasil quanto no exterior e na defesa dos direitos humanos, de forma a colaborar com os estudos e análises da história contemporânea de nosso país.
http://www.memorialdaresistenciasp.org.br.

Ainda no âmbito da Feira de Livros serão realizadas sessões de autógrafos e bate-papo com autores. Confira a programação:

Das 13h00 às 13h30
Maurice Politi (Resistência Atrás das Grades)
Raphael Martinelli (Estações de Ferro)

Das 13h30 às 14h00
Cleide Ribeiro Barbosa (Doce Desconhecido e Resgate de Uma Vida)

Das 14h00 às 14h30
Izaías Almada (organizador do livro Tiradentes – Um presídio da Ditadura e autor dos livros Sucursal do Inferno, Metade de mim, Teatro de Arena – A estética da Resistência)
Elza Lobo e Rose Nogueira (participantes do livro Tiradentes – Um presídio da Ditadura)

Das 14h30 às 15h00
Mario Sérgio de Moraes (50 anos construindo a democracia - Do golpe 64 a Comissão da Verdade)

Das 15h00 às 15h30
Paulo Moreira Leite (A Outra História do Mensalão)
Palmério Dória (Príncipe da Privataria, Honoráveis Bandidos e Mataram o Presidente)

Das 15h30 às 16h00
Ricardo Carvalho (Dom Paulo Evaristo Arns: O cardeal da resistência)

Das 16h00 às 16h30
Audálio Dantas (As duas guerras de Vlado Herzog e Tempos de Reportagem)
Adriano Diogo (Infância Roubada)

Das 16h30 às 17h00
João Roberto Laque (Pedro e os Lobos)

Das 17h00 às 17h30
José Paulo Florenzano (Democracia Corinthiana)

Das 17h30 às 18h00
Mouzar Benedito (Tempo de Resistir, Barão de Itararé, Memórias Burlescas de 1968, João do Rio, Luiz Gama)

Serviço
IV Feira de Livros da Resistência e de História Política
Data e horário: dia 15 de outubro, das 10h às 18h
Local: Memorial da Resistência de São Paulo - Largo General Osório, 66 – Luz – São Paulo