Página inicial > BRASIL > É golpe!

É golpe!

sexta-feira 22 de julho de 2016, por , Mario Augusto Jakobskind

Todas as versões desta matéria: [Español] [Português do Brasil]

O Tribunal Internacional pela Democracia concluiu que o processo de impeachment violou a Constituição Brasileira e o Pacto de San José de Costa Rica


Fotos: Ninja

O Tribunal Internacional pela Democracia no Brasil por decisão unânime sentenciou que o processo de impeachment se trata de um golpe parlamentar que decorre de um avanço do neoliberalismo econômico em todo o mundo globalizado.

"O meu julgamento sobre o que está acontecendo aqui é uma conspiração contra a democracia. Aqueles que estão falando contra Dilma Rousseff são acusados de corrupção e devem ser punidos por isso. Se um presidente pode continuar ou não a presidir, não deveria depender de ter a maioria no congresso. Esse processo está baseado em algo que só pode ser definido como: capitalista, misógino e fascista", disse Azedeh Shahshahani, jurista iraniana-norteamericana.

Participaram do juri o costa-riquenho Walter Antillon, o mexicano Jaime Cardenas Graça, a francesa Lohans Quans, a espanhola Maria José Farinas, o argentino Alberto Felipe, o colombiano Carlos Augusto Galvez Argote, a iraniana-norteamericana Azedeh Shahshahani, o italiano Giovanni Tognoni e bispo mexicano Raul Veraz.

http://emporiododireito.com.br/tribunal-internacional-pela-democracia-no-brasil/

https://www.youtube.com/watch?v=PTZGkX7zXvI

http://brasildebate.com.br/instaurado-o-tribunal-internacional-pela-democracia-no-brasil/

http://br.sputniknews.com/brasil/20160720/5749145/justica-corte-internacional-impeachment-golpe-congresso-sociedade-civil.html