Página inicial > Ciranda Mundi > EUA x China na COP18

EUA x China na COP18

quarta-feira 5 de dezembro de 2012, por Evelyn Araripe,

Todo mundo quer saber as posições dos Estados Unidos e da China antes de tomar qualquer decisão dentro das negociações

Começa a ficar nítido dentro da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas – COP18, que acontece até o dia 07 de dezembro em Doha, Qatar, que todo mundo quer saber as posições dos Estados Unidos e da China antes de tomar qualquer decisão dentro das negociações. O primeiro país é desde o início da história das negociações o grande vilão: primeiro porque é o maior poluidor histórico e, logo, o grande responsável pelos impactos ambientais causados pelas mudanças do clima. E segundo, porque desde sempre se recusou a participar do Protocolo de Quioto (mesmo que, teoricamente, era obrigado), onde haviam metas claras para a redução das emissões que causam as mudanças climáticas.

Mas, no meio desse caminho histórico, a China se destacou! Primeiro porque cresceu economicamente de modo a deixar qualquer grande economia (como a dos EUA) morrendo de inveja. Segundo porque o país oriental concentra mais de 20% de toda a população mundial. Isso tudo faz com que rapidamente a China ocupasse o posto de um dos maiores emissores do planeta.

Agora a briga é: China, seguida de países em desenvolvimento como o Brasil, exige que os EUA pague a conta ambiental. O país estadunidense, em contra partida, quer que a China entre no jogo e assuma a conta também. E nesse de um querer jogar a responsabilidade (e a conta, claro!) para o outro, as negociações ficam paradas, ou a passos de tartaruga.

Nessa segunda-feira, 03.12, o embaixador brasileiro Luiz Alberto Figueiredo, atual chefe das negociações pelo Brasil, foi perguntado sobre o envolvimento dos EUA e da China nas negociações. Muito diplomático, o embaixador disse que ambos os países ajudam muito nas negociações e estão engajados. Mas, ele assume que “a China está fazendo muito mais do que os EUA”. Segundo o embaixador, a China investe muito mais em fontes de energia sustentável e em projeto para reduzir a suas emissões e completou “eles [a China] estão a todo o tempo presentes e querendo falar sobre como reduzir as suas emissões”. Sendo assim, por enquanto, a placar dessa disputa está: EUA 0 x 1 China!


Ver online : EUA x China na COP18