Página inicial > FSM > FSM 2012/2013 > FSM Palestina Livre > Juntos os sem terra do Brasil e os cultivadores de oliveiras da (...)

Juntos os sem terra do Brasil e os cultivadores de oliveiras da Palestina

sábado 24 de novembro de 2012, por ,

Articulação pela ALBA apresentará no FSM Palestina Livre um videodocumentário sobre a experiencia de solidariedade e debaterá a resistência contra todos os muros.

A Articulação Continental de Movimentos Sociais pela ALBA está promovendo duas atividades no FSMPL, junto com outras redes e entidades.

A primeira delas é a apresentação, em conjunto com a Via Campesina, do vídeodocumentário “Rumo à Palestina, crónica de uma Brigada Internacionalista”. Este trabalho relata a experiencia de solidariedade internacionalista de um grupo de militantes do Movimento dos Sem Terra (MST) e do Movimetno de Pequenos Agricultores do Brasil que viajaram à terra Palestina para conviver com os camponeses, cultivadores de oliveiras, árvore de forte significado para o povo palestino, onde vivem as opressões cotidianas a que são submetidas milhares de famílias, separadas de suas terras por meio de repressão e diversos tipos de violencia. O objetivo desta viagem no foi apenas estender a solidariedade ativa, mas também trabalhar pela constituição da Via Campesina naquele país irmão.

A segunda atividade é uma mesa de debate e reflexão sobre os diversos muros que o imperialismo constrói cotidianamente contra a diversidade dos povos do mundo. O objetivo da mesa “Derrubar os muros do imperialismo e do capital transnacional” é poder refletir sobre as diferentes opressões, as diversas caras com que se apresenta o inimigo imperialista em nossos territórios. Analisaremos os casos de golpe de Estado em Honduras e no Paraguai, a guerra na Colômbia, o Bloqueio à Cuba, as diferentes lutas que nossos povos estão levando adiante; entende-las como parte de uma mesma estratégia emancipatória e desse ponto de vista fortalecer nossa solidariedade concreta e ativa com o heróico povo irmão palestino.

Segundo Manuel Bertoldi e Joaquin Piñero, da Secretaria Operacional da Articulação pela ALBA, é uma iniciativa continental de diferentes movimentos sociais de toda nossa América. Visa consolidar e trabalhar uma unidade cada vez maior em construir estratégias emancipatórias para todo o continente de caráter antiimperialista. “Nos identificamos com o projeto da ALBA, entendo-o como uma iniciativa continental que promove uma integração popular na busca de cada vez maior protagonismo dos povos e movimentos sociais do continente”.

Eles explicam que um de nossos pilares de construção é a solidariedade ativa com todos os povos em luta do mundo, e “é por isso que nos faremos presentes no FSMPL, para acompanhar e fortalecer a luta do povo palestino. Esperamos que o Forum Social Mundial Palestina Livre sirva para ampliar a solidariedade e dar visibilidade à resistência do povo palestino, nestes días em que o ataque do Estado de Israel intensificou-se, quando milhares de Palestinos foram assassinados e um terço dessas mortes foram de meninos e meninas”.