Página inicial > FSM/WSF 2015 - TUNIS > Polícia assassina, mídia cínica e perversa

Polícia assassina, mídia cínica e perversa

quarta-feira 19 de março de 2014, por Ana Silva (Kátia Flávia),

Assim mesmo: Sem nome, sem identidade, sem humanidade, apenas mais um cadáver, apenas mais estatística

Mulher, mulher, mulher, moradora, moradora, moradora, morta, morta, arrastada, arrastada, arrastada, arrastada. Filha de arrastada, enterro de arrastada, viúvo de mulher, mulher arrastada.

Assim mesmo: Sem nome, sem identidade, SEM HUMANIDADE. APENAS MAIS UM CADÁVER. APENAS MAIS ESTATÍSTICA.

- > E, no fim de tudo, os policiais foram PRESOS por SOCORRÊ-LA!!!

Isso mesmo: os PMs foram presos por prestar socorro, segundo o jornal!

O nome dela é CLAUDIA DA SILVA FERREIRA!

Cláudia da Silva Ferreira era NEGRA, TRABALHADORA, POBRE, FAVELADA.

CLÁUDIA DA SILVA FERREIRA não foi arrastada por uma viatura. Ela foi ASSASSINADA POR POLICIAIS.

CLAUDIA DA SILVA FERREIRA não foi vítima de uma circunstância, de um excesso policial a ser averiguado, de uma exceção de dois policiais que toda a corporação condena, de uma ação trágica que não corresponde às diretrizes da PMERJ.

CLÁUDIA DA SILVA FERREIRA FOI ASSASSINADA POR UMA INSTITUIÇÃO QUE MATA NEGROS E POBRES TODOS OS DIAS!

CLÁUDIA DA SILVA FERREIRA FOI ASSASSINADA POR UMA INSTITUIÇÃO QUE É, HOJE, UMA DAS MAIORES RESPONSÁVEIS PELO GENOCÍDIO DO POVO NEGRO E POBRE DO BRASIL: A POLÍCIA MILITAR.

Tudo que as mídias tentam encobrir e escamotear através de um discurso perverso e leviano que tenta reduzir um ser humano ASSASSINADO a apenas mais um dado estatístico corriqueiro da violência urbana.

PELA DESMILITARIZAÇÃO DA POLÍCIA E DA POLÍTICA!

SomostodosClaudiaSilva