Para que outro mundo seja possível, é preciso reinventar a comunicação



Publicidade e infância

Ferramentas de comunicação como documentários e blogs tem sido utilizados pelo Projeto Consumismo e Infância para mobilizar a sociedade para o debate polêmico do consumismo infantil causado pelo apelo publicitário.


Por que o PL do FUST é um desastre

Está em vias de aprovação na Câmara dos Deputados um projeto de lei (PL 1481/2007) que modifica a lei do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (lei 9998/2000). Sob o véu de agenda positiva, esconde-se um texto desastroso e anacrônico.

Estado Laico
EBC suspenderá programas religiosos

Os realizadores terão seis meses para retirar a programação do ar.



Página inicial > BRASIL > Comunicação > O que é que eu tenho a ver com isso?

O que é que eu tenho a ver com isso?

terça-feira 8 de janeiro de 2013, por Mônica Martins

Tudo.
Ontem saímos da ditadura. Parece que faz tempo, mas foi apenas ontem. Os ecos das Diretas Já estão no ar, ainda.

Hoje, na fila da agência dos Correios, falei pra uma coetânea que a nossa geração sempre esteve no pico da onda, surfando sempre sem chegar na praia.

Bebemos de Grapette à RedBull, andamos de patinete a metrô, teclamos numa Remington de ferro e teclas duras, com a campainha que tocava no final da linha e hoje teclamos no IPhone.

Na minha infância um interurbano Santa Rita do Passa Quatro- São Paulo (telefone com número de apenas 3 dígitos) levava de três a quatro horas (quando não estava chovendo). Hoje falo com o outro lado do mundo em segundos via Skype. Usamos mimeógrafo e agora transmitimos mensagens via blue tooth.

Percebi que somos um arquivo da História num moto perpétuo; não temos tempo necessário para digerir tudo, mas temos que seguir em frente.
Então, tudo isso pra falar de Julian Assange e o Wikileaks. Ele e sua agência estão sofrendo repressão, tão conhecida por nós. Falsos testemunhos são declarados oficiais. Não preciso entrar em detalhes técnicos quanto às manobras criadas e executadas pela repressão.

Rafael Correa deu asilo político pra ele, na embaixada ecuatoriana em Londres. por que será? que ele fez isso se esse tal de Julian é un gringo?
Por que será que o advogado de defesa de Julian é o mesmo que pediu que a Inglaterra enviasse Pinochet para ser julgado na Espanha?(sem sucesso, a rainha não deixou).

Por que será que um ex-professor de uma universidade chilena, preso e torturado, que conseguiu fugir para a Suécia, hoje tem um site que analisa o caso de Julian, do ponto de vista de um torturado? Tentando abrir a sensibilidade e os olhos das pessoas para a inusitada realidade que vivemos atualmente com a internet, onde os problemas (e soluções) passaram de regionais para globais?

Tenho acompanhado por um site, liberté-info, as manifestações e postagens de pessoas do mundo todo sobre o Wikileaks e suas consequências. A sensação é que assuntos como corrupção, divida, cortes orçamentais sem critério, violência social, está sendo vivido e discutido pelos quadrantes desse planeta.

As pessoas estão nas praças de um modo comovente: jovens ao lado de aposentados apoiando "extra comunitários" e desempregados. Sindicatos que decidem fazer uma vaquinha interna dividindo o salário pra ajudar seus amigos que ficaram sem emprego, casa e tudo o que vem junto. Em Milão uma velhinha de 90 anos sobe no palanque da praça e diz "Tenho noventa anos e não morrerei sob o governo de Berlusconi." com o lenço vermelho da resistência amarrado no pescoço. A praça veio abaixo!

Quando fui participar da campanha pra baixar o preço do ônibus tinha tão poucos de minha idade lá no meio! Onde estávamos? Todos seriamos beneficiários!

Olha, se o Corinthians (meu timão) foi matéria numa TV russa com destaque, acho que o nosso quintal não tem mais muros. A favela chegou em Moscou.

Então estou, como voluntária, traduzindo textos do site citado para o português. Quem quiser é só entrar e fazer a tradução.

http://liberte-info.net/campaigns/assange/assange_extradition_breaches_legal_principle_br.html

particularmente não vejo sentido em comer pizza de chocolate com confeitos MM como cobertura.

Ver online : http://liberte-info.net/campaigns/a...

Responder a esta matéria