Página inicial > Ciranda Mundi > Ameaça latente de massacre em Copala

Oaxaca

Ameaça latente de massacre em Copala

sábado 18 de setembro de 2010, por ,

Todas as versões desta matéria: [Português do Brasil] [Português do Brasil]

Cerca de 50 famílias indígenas triquis, do município autônomo mexicano, pedem que levantemos a voz para não permitir uma tragédia como as de Chiapas e Guerrero. Ler o chamado urgente.

Às Organizações Sociais

Aos povos indígenas e não indígenas do México e do Mundo

À Outra Campanha

Às pessoas solidárias

Aos Organismos de Direitos Humanos Nacionais e Internacionais

Fazemos um chamado urgente para denunciar que as ameaças de massacrar o povo de San Juan Copala, sede do nosso Município Autônomo, por parte dos paramilitares do MULT (Partido Unidad Popular) e da UBISORT (Partido Revolucionario Institucional) começam a se fazer realidade. Desde esta tarde companheiros e companheiras que permanecem em pé de luta em San Juan Copala nos informam que viram movimentos de paramilitares em torno à comunidade, cada vez mais próximos, e com a firme intenção de atacar de maneira armada a população em geral. Por esse motivo pedimos de permaneçam em alerta para um possível massacre que se avizinha, sobretudo porque esta ação é planejada por paramilitares que aproveitam os festejos do Bicentenário da Independência.

Recordamos que são cerca de 50 famílias integradas por mulheres, homens, crianças, idosos e idosas, as que estão sob este risco latente de serem massacrados/os por grupos paramilitares que vem agredindo nossa autonomia. Por isso, neste momento mais do que nunca, pedimos que levantem suas vozes para não permitir uma tragédia da magnitude de Acteal, em Chiapas ou de Aguas Brancas, em Guerrero.

ATENTAMENTE

MUNICIPIO AUTONOMO DE SAN JUAN COPALA

Traduzido por Juana Trigueiro Sola/Rede Ciranda