Página inicial > BRASIL > Diário Não Oficial do Brasil - Dia 143/365

Diário Não Oficial do Brasil - Dia 143/365

quinta-feira 23 de maio de 2019, por Fátima Froes,

MP 870, o fantástico enriquecimento do bolsofilho, laranjas não passarão!

Apesar do dia de ontem ser de agressão a estudantes, impropérios fascistas e racistas contra a Bahia, a Vale estar de forma assassina ameaçando a vida das pessoas com mais uma barragem, vamos registrar apenas a questão da MP 870 de Bolsonaro.

A MP previa mudanças de estruturas, algumas muito mal intencionadas, mas que não passaram na Câmara:

1. A COAF voltou para o ministério da economia. Isso, de alguma forma evita o engavetamento de processos contra milicianos. Vamos lembrar que o desaparecido Queiroz (vivo ou morto?) e o fantástico enriquecimento do bolsofilho através de assessores e compra de imóveis foi descoberto pela Coaf. Estamos no 123º dia de blindagem do bolsofilho, mas que sabemos das manobras graças à Coaf. Laranjas, não passarão.

2. Criava dois ministérios como moeda de troca. Entreguistas, não passarão.

3. Não haverá estrutura especial junto à presidência da república para monitorar e criminalizar os movimentos sociais. Reforço ao estado policial. Fascistas, não passarão.

4. As terras indígenas não ficarão sob responsabilidade do agronegócio, para distribuição entre os latifundiários armados. Continuarão no ministério da justiça. Racistas, não passarão.

5. A FINEP - Financiadora de Estudos e Projetos, continua, não conseguiram passar o seu desmantelamento. Obscurantistas, não passarão.

6. O esquartejamento das atividades de trabalho e emprego, assim como o registro sindical se transformar numa atividade de controle policial, foi derrotado. Pelegos, não passarão.

E assim, também, imprimindo uma derrota ao governo, começando a destruir o seu fascismo exacerbado, pelas bordas. Porque nós vivemos numa terra redonda. Me salte, fascista!

Confira as todas as colunas:
Diário Não Oficial do Brasil