Página inicial > BRASIL > O silêncio dos homens

O silêncio dos homens

sábado 31 de agosto de 2019, por Ciranda.net, Mil Baianas, Tatiana Scalco - Ciranda Bahia,

"Não tenho muita coisa pra falar."

Esta é uma das frases mais comuns ouvidas nas rodas de homens por todo o país, nos últimos anos.

A pesquisa "masculinidades" foi buscar respostas e tentar compreender as dores, qualidades, omissões e processos de mudanças que poderiam estar acontecendo com os homens. Mais de 40 mil pessoas foram ouvidas, em meses de gravação. Chegaram os resultados, além dos relatórios da pesquisa e de um livro-ferramenta com os achados centrais sobre questões a respeito das masculinidades, um filme - documentário único: Papo de Homem.

O documentário Papo de Homem foi lançado na última quinta-feira (29.08), junto com outros produtos da pesquisa. Além disso, foi disponibilizado um mapeamento das principais iniciativas que trabalham com a transformação das masculinidades e um guia de como criar um grupo de homens.


Imagem: Papo de Homem

A base de dados da pesquisa é 100% pública e está disponível por meio de convênio com o Consórcio de Informações (CIS) da USP. A pesquisa foi realizada com Zooma Inc., consultoria do especialista Gustavo Venturi. O projeto conta com apoio institucional da ONU Mulheres e apoio para viabilização da Natura Homem e Reserva.

para baixar os materiais e a pesquisa, clique aqui
www.papodehomem.com.br/silencio

Interessados podem solicitar o filme em HD para exibi-lo em sua cidade. É gratuito. Só precisa preencher formulário, entrar em contato que o PdH envia o link. Para maiores informações clique em https://papodehomem.com.br/estreia-...

Dados do Silêncio quantificados

Sete em cada 10 homens lida com um distúrbio emocional hoje, em algum nível, segundo a pesquisa online realizada com 40.000 pessoas (mais da metade homens). Os principais distúrbios identificados, por frequência, são: ansiedade, depressão, insônia, vício em pornografia e, em seguida, vícios em álcool, drogas, comida, apostas e jogos eletrônicos.

No Brasil, 83% das mortes por homicídios e acidentes são de homens. Homens vivem 7 anos a menos que as mulheres e se suicidam quase 4 vezes mais. 17% lida com algum nível de dependência alcoólica.

Quando homens sofrem abuso sexual, demoram em média 20 anos até contar isso pra alguém. Cerca de 30% enfrentam ejaculação precoce ou disfunção erétil.

Homens são 95% da população prisional no Brasil, sendo que a maior parte dos encarcerados são jovens, periféricos e com ausência de figura paterna. Negros e LGBTs sentem muito mais boa parte disso.

Fonte: Instituto PdH https://papodehomem.com.br/
Fonte: Consórcio de Informações Sociais (CIS ) http://www.nadd.prp.usp.br/cis/inde...

fontes dos dados citados no texto:

- homens mortos em acidentes: http://legado.brasil.gov.br/noticia...

- homens vivem menos: https://agenciadenoticias.ibge.gov....

- homens se suicidam mais: https://papodehomem.com.br/informe-...

- homens e o uso do álcool: http://www.cisa.org.br/artigo/11/da...

- homens e abuso sexual: https://www.publico.pt/2018/01/19/s...

- homens e disfunção erétil: https://portaldaurologia.org.br/doe...

- homens e população carcerária: http://agenciabrasil.ebc.com.br/ger...

- homens gays assassinados: https://adaorochas.jusbrasil.com.br....