Página inicial > BRASIL > Dia 328/365 - Sobre locupletação

Dia 328/365 - Sobre locupletação

segunda-feira 25 de novembro de 2019, por Fátima Froes,

A Força Aérea Brasileira realizou voo para interceptar o voo da equipe do Flamengo, com mensagem de felicitação pela vitória na Copa Libertadores da América. Um gesto de extravagância e arrogância caríssimo. Transformando em moeda social, quantos remédios da farmácia popular custou esse voo para o exibicionismo histriônico do palmeirense síndico disfuncional? (Jornal Brasil 247).

Imagem: defesatv https://www.youtube.com/watch?v=nrp...

PNG - 44.9 KB

Para que serve estar no governo se não for para favorecer os amigos, fazer farras com dinheiro público e outras coisinhas assim?

1. A Capes, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, subordinada ao Ministério da Educação, autorizou o funcionamento de um curso de um amigo do incapaz que ocupa o ministério e do ocupante da Casa Civil. O jornal GGN replica uma notícia publicada na Folha de S. Paulo de que a autorização de um curso de pós-graduação na Universidade de Santo Amaro, do amigo dos servidores públicos citados, foi concedida apesar de a proposta original ter sido alterada durante a tramitação do processo de aprovação, o que é proibido pelas regras da própria capes.

2. A Força Aérea Brasileira, aquela que é deslocada para levar a família do ex-capitão para passear, agora recebeu o encargo de realizar um voo para interceptar o voo da equipe do Flamengo, levar aos jogadores uma mensagem de felicitação pela vitória na Copa Libertadores da América, e escolta-los até o Rio de Janeiro. Um gesto de extravagância e arrogância caríssimo. Transformando em moeda social, quantos remédios da farmácia popular custou esse voo para o exibicionismo histriônico do palmeirense síndico disfuncional? (Jornal Brasil 247).

3. Em agosto já tínhamos sido surpreendidos com a farra do futebol. O ex-capitão foi a três jogos da seleção brasileira durante a Copa América. O gasto foi de R$ 201,6 mil, em média, R$ 67,2 mil a cada jogo (Portal Vermelho).

4. Um empresário de Santa Catarina, que costuma se fantasiar de visconde de sabugosa e protagoniza espetáculos de extremo mau gosto, deve 168 milhões junto à Previdência e à Receita Federal, e anunciou que pretende pagar por faixas conduzidas por avião com frases ofensivas contra o presidente Luís Inácio Lula da Silva. A vice-governadora do Piauí Regina Sousa questionou porque, em vez disso, não devolve aos cofres públicos o que deve (Jornal Brasil 247).

5. O jornal Folha de S. Paulo publicou uma informação de que existem 700 mil pedidos de concessão de Bolsa-Família engavetados, estimando que o boicote atinge cerca de três milhões de pessoas carentes (Blog Tijolaço).

Confira todas as colunas:
# Diário Não Oficial do Brasil