Página inicial > BRASIL > Dia 357/365 - Passa pra Lula que ele tá livre!!

Dia 357/365 - Passa pra Lula que ele tá livre!!

segunda-feira 23 de dezembro de 2019, por Fátima Froes,

O campo de futebol da Escola Nacional Florestan Fernandes, do MST encheu de gente. O jogo Amigos do MST x Amigos de Lula e Chico Buarque foi uma festa. O resultado de 2x1, para o time de Lula e Chico, teve passe cantado, básico e revolucionário – passa pra Lula que ele tá livre!!

Imagem: Ricardo Stucker https://fotospublicas.com/lula-e-ch...

PNG - 44.9 KB

1. O ex-capitão afirma ao vento que em seu governo não há corrupção. Joga para uma plateia de alienígenas e alienados. A revista Fórum aponta que a mídia corporativa, ao revelar os crimes do bolsofilho, não identifica o seu sobrenome. É só Flavio. Flavio B. Descolado do papai quem sabe sobreviverá, como barata, no ralo. Despercebido.

2. O jornal New York Times acusa o ex-capitão de estimular o retorno dos esquadrões da morte. De acordo com o jornal, o presidente afirma que os criminosos devem morrer como baratas. Se por aqui não temos pena de morte isso não seria crime de incitação ao crime? Vale também pra parentes e aderentes? (Jornal Brasil247).

3. O conge, parte do governo do chocolate com laranja, amargo e indigesto, segue silencioso, sem olhar pro lado. O marreco leigo de Maringá parece priorizar a própria sobrevivência, a toga nunca lhe caiu bem, nem a Constituição. Já a conja do conge abandona a fachada de neutralidade da lava jato e vai assumir candidatura política em uma chapa nas eleições para prefeitura em 2020. No caminhar, tudo se revela (Revista Fórum).

4. No governo em que ministro da educação não gosta de estudantes, ministro do meio ambiente é acusado fraudar plano de manejo ambiental, um secretário de cultura preocupado em contratar a própria sem licitação, etc, o subprocurador-geral da República Antônio Carlos Bigonha expõe a sua perplexidade com um presidente da Fundação Nacional do Índio que não gosta de índio: “nunca vi uma coisa dessas, sem precedente no Brasil e no mundo, um presidente de uma autarquia indigenista que não gosta de índio. É a primeira vez, isso é inédito. Não gosta da matéria indígena, não gosta das pretensões indígenas e acha que o índio tem que ser enquadrado. Isso é um equívoco”. Denuncia que o responsável pela FUNAI “ignora as recomendações do MPF e não responde aos pedidos de audiência para tratar de decisões que têm colocado os direitos dos índios em xeque” (Jornal Brasil247).

5. E, enquanto a grosseria miúda do governo histérico-racista-misógino-homofóbico-fascista-obscurantista escorre em busca de uma polarização raivosa, o Presidente Luís Inácio Lula da Silva, dá aula de leveza e política. Participa de um ato pela cultura, faz projetos e criticas consistentes, propõe caminhos para a esquerda e joga futebol.

6. O campo de futebol da Escola Nacional Florestan Fernandes, do MST encheu de gente. Times em campo para festejar um jogo entre amigos: Amigos do MST x Amigos de Lula e Chico Buarque. O resultado de 2x1, para o time de Lula e Chico, teve passe cantado, básico e revolucionário – passa pra Lula que ele tá livre!!

Confira todas as colunas:
# Diário Não Oficial do Brasil